quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Procuram-se Pais.



Há muito tempo eles já estão largados pelas calçadas, sendo escravizados pelos sinais,
sobreviventes do lixo, com fome, sem nome.

O futuro do país cheirando a cola e você se perguntando por que eles não somem e eles
perguntando por que tanto egoísmo.

Vilões que não roubam bancos, não usam armas, não teem opção, não teem futuro, não optam apenas relevam, relevam a dor, relevam os maus tratos, relevam o próprio ser.

Munidos de todo rancor caminham pelas cidades atrás do cheiro agradável do pão, atrás
do sorriso doce de outra criança, atrás da felicidade que sempre teima em fugir.

Encostados nas paredes se tornam a paisagem suja da cidade, a paisagem que ninguém quer ver, o quadro negro que ninguém quer pintar, vieram do submundo direto para seu mundo e você finge não notar.

Filhos de quem? Da fome? Da sede? Da dor? Da ignorância? NÃO!!
São filhos da conivência de homens bons e da crueldade de homens maus.

São crianças que vivem a maturidade antes mesmo de chegarem à adolescência, são retratos falado de um sofrimento mudo¹, são adultos em corpos de crianças respirando desprezo e esperança.

É uma pena que de crianças inocentes com fome passarão a adolescentes delinquentes , adultos criminosos, até que enfim, chegam a velhos mendigos. Isto, se ainda estiverem vivos.

E isto continuará até o dia em que finalmente poderemos celebrar o ano novo em um mundo realmente novo.

¹ Trecho da música “quem me dera” da banda Circuladô de Fulô.


Zélio Marulo Jr.

Bons Ventos!
Tchau!

# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

12 comentários:

  1. POIS É, ZÉLIO...

    ...ISSO ME SOA COMO UM VELHO E TERRÍVEL CÍRCULO VICIOSO!!!

    OS NOSSOS ANOS NOVOS PODERIAM SER REALMENTE BEM DIFERENTES DESSE RETRATO TRISTE E AMARGURADO DO NOSSO BRASIL.

    ABRS!
    www.vemaquinomeublog.blogspot.com (estou com um post novo)

    ResponderExcluir
  2. Um infeliz e conastante círculo vicioso de descaso e falta de estrutura...
    Não sei bem direito.. mas só consegui pensar na música do Juanes: La Historia de Juan

    ;D

    ResponderExcluir
  3. Estou seguindo! segue lá também. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Pois é...
    concordo com os comments acima, isso é um horrível circulo vicioso!

    ResponderExcluir
  5. é dificil, os pais envelhecem e são ignorados. os filhos esquecem que uma hora o dia deles chegará

    ResponderExcluir
  6. Hã?? Luciana, caso queira pode ler o texto da próxima vez.

    Obrigado e Bons Ventos!!

    ResponderExcluir
  7. nossa, a última frase foi tensa O.O adorei o texto, parabéns ! estou seguindo, me segue tb. www.kyannesmind.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. É um circulo vicioso, não é mesmo?
    Será que algum dia vai ter fim? Eu duvido tanto...uma pena.

    É triste ver crianças nas ruas, abandonadas. O futuro pra elas é um só.
    Ano novo, vida velha. Nada muda.
    Cadê a estrutura e os direitos sociais?

    ResponderExcluir
  9. é realmente triste ver crianças largadas nas ruas
    muitas delas preferem isso as suas casa por sofrerem maus tratos la e acabam se viciando nas sarjetas
    é triste a historia dos verdadeiros filhos do brasil
    adorei o blog!
    seguindo :D

    http://falandosobreall.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Por isso sou a favor do aborto.
    Não gostaria de ver mais crianças assim!

    Parabéns pela postagem!

    Abraço de NINA

    PS: capturei o vídeo que você TT, do deputado no CQC! Confira lá no blog!!

    ResponderExcluir
  11. É incrível o quanto você é talentoso, tá vendo só tenho motivos para te amar!!!

    ResponderExcluir
  12. Como sempre foi um ótimo texto.

    Só me pergunto se um dia iremos realmete poder "celebrar um ano novo em um mundo novo" , mais conciente e justo,ou se o descaso e a indiferença(dos governantes e o nosso)irão continuar ano após ano.

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2013 INOPORTUNO